Seriemaniacos

Flaked: Será o primeiro fracasso do Netflix?

Flaked foi ar no Netflix dia 11 de Março, se intitulando com uma série de comédia, mas comédia não há praticamente nada. Em questões de formato ela lembra muito Love, outra série ‘Comedy Original Netflix’, que se enquadra bem em uma comédia dramática, enquanto Flaked está mais para um drama que falhou ao tentar ser cômico.

É uma série com roteiro bastante superficial; as suas relações, diálogos, a construção dos personagens, tudo fica apenas no plano das ideias, sem aprofundamento, sem nenhum foco bem definido. A sua premissa não fica clara até o final do oitavo episódio e nos perguntamos: Qual o propósito da série? Isso faz com que tenhamos um resultado final muito abaixo do esperado das produções originais Netflix e daí a pergunta: Será o primeiro fracasso do Netflix?

will-Arnett-Flaked-Netflix

No total de oito episódios, já percebe-se que ela é uma série experimental. As séries americanas, normalmente apresentam no mínimo dez episódios para uma primeira temporada. Foi ao ar sem saber se iria dar certo e não me surpreenderia se não fosse renovada para uma segunda temporada. Os seus primeiros episódios se arrastam, por que nada acontece. E estamos falando de 30 minutos por episódio, metade do que estamos acostumados com a séries dramáticas e ainda sim é difícil de se manter o foco. Novamente não me surpreenderia se você a deixasse logo no episódio piloto.

Seu personagem principal é Chip (Will Arnett) um típico cara da meia idade que não trabalha, vive em Venice, Los Angeles. Extremamente egocêntrico, crê que sua beleza é capaz de colocar o mundo aos seus pés. Lida com problemas com bebidas alcoólicas e mal consegue gerir a sua própria vida. Não possui nenhum comprometimento com as pessoas ao seu redor e é considerado um verdadeiro canalha. Essa visão um tanto pessimista sobre o personagem principal, é ao final da temporada se amolecendo, mostrando que ele pode ser um cara legal, mas ainda sim, é difícil de se simpatizar por ele. O personagem que permeia em ser cativante é seu melhor amigo, Dennis (David Sullivan), mas que só flerta essa possibilidade. Chip e Dennis possuem um relação completamente infantilizada para dois caras na casa dos 40 anos de idade.

Os episódios vão se desenrolando com o dia a dia em Venice que quase nada acontece. O que move a trama é um acidente em que Chip atropela e mata um jovem rapaz e por conta disso ele não ingeri mais nenhuma bebida alcoólica e nem dirige carro. O que acenda uma faísca de conflito na trama, mas não suficiente para manter o espectador ligado a série.


Você pode arriscar e tirar as suas próprias conclusões de Flaked, mas vá seguro de que é uma série sem grandes acontecimentos e que vá alertado de uma posição decepção Netflixana.

2estrelasemeia

Título Original: Flaked
Ano: 2016
Direção: Josh Gordon, Tom DiCillo, Wally Pfister e Will Speck
Roteiro: Will Arnett, Mark Chappell e Nikki Schiefelbein
Produtores: Kathy O’Connel, Tiffany Sipantzi Moore, Peter Principato, Will Arnett, Mitchell Hurwitz
Showrunner: Will Arnett e Mark Chappell
Elenco Principal: Will Arnett, David Sullivan, Ruth Kearney, George Basil, Robert Wisdom, Lina Esco
Estreia: 11 de Março de 2016
Gênero: Comédia
País de Origem: EUA

Posts Relacionados

  • Leandro

    Não vejo nada de errado com a série, pode não ser a melhor comédia, mas assisti os oito episódios e me interessei sim em continuar assistindo, com certeza quero que saia uma nova temporada. Não pode considerar drama nem comédia, achei o termo “série experimental” bem adequado, eu gostei.

    • Nilson Augusto Moraes

      Eu também gostei, porém eu concordo com a maioria das coisas citadas. Não tem nenhum aprofundamento nos personagens, é tudo muito superficial, mas acho que justamente por isso fiquei com vontade de assistir mais, na esperança de um aprofundamento caso tenha temporadas subsequentes.

      • Thomas Hauschild Aps

        O que realmente define a série é a profundidade dos personagens, é que nada é superficial como se enxerga à primeira vista. E que como na vida agente tem que se contentar com as pequenas realizações de cada um dos personagens como fossem grandes vitórias. A série é um drama com licença poética para vários sorrisos no meio dos episódios.

  • pedro siqueira

    Não encontrei nada de errado com a série, tem um clima suave e leve sem apelação com personagens carismáticos e envolventes, assisti todos os episódios em um fim de semana, para uma série experimental esta muito boa, os episódios são curtos oque não torna a série cansativa, não senti em momento algum vontade de parar de assistir, gostei bastante e espero que saiam novas temporadas, recomendo a todos.

  • gabri3lmarques

    Essa série começa meio morna, ok. Mas lembre-se, você está falando de um personagem que é um quarentão, que toma conta de uma loja de antiguidades e tentando se manter sóbrio em Venice. O mais legal dessa série é a personalidade do Chip, que vai sendo revelado ao longo da série. Eu em particular gostei muito. Mas lembre ela é definitivamente um drama. Comédia é How i Met Your Mother.

  • Allan Vieira.

    Única coisa foda foi o final, com tipo pra continuação e até hoje sem manifestação nenhuma, daria pra ter feito uma segunda temporada já a muito tempo, mas né..

  • Eweton Colombo

    Sinceramente a série é muito boa, não é a melhor, mas na minha opinião é boa sim, nunca havia assistido outras séries com o mesmo Plot e pelo visto, outras pessoas também não, só acho que é uma séria que aborda um tema mais pacato que representa REALMENTE como seria a vida de alguém que vive naquela cidade, sem muito sensacionalismo, talvez seja esse o motivo de tantas críticas e não acredito que seria uma série melhor se mudassem algo, espero que não pare na 2ª temporada.

  • – B

    Série ótima dessas
    Vocês que estão acostumados com coisas surreais !
    #FlakedOtima