Resenhas

Resenha: A Garota Dinamarquesa

the_danish_girl_2015_alicia_vikander_eddie_redmayne

A Garota Dinamarquesa é um filme sobre mulheres, sobre suas lutas, sobre seus amores, delicadeza e sensibilidade. Com uma direção ímpar, Tom Hopper (Os Miseráveis, 2012 e O Discurso do Rei, 2010), consegue trabalhar tão bem papéis que necessitam de força e elevar a dramatização ao seu nível mais alto, sem em nenhum momento parecer falso, pelo contrário, faz com que você se entregue aqueles minutos em cena e faça também parte da história.

O filme é baseado no livro homônimo de David Ebershoff (The Danish Girl) e conta a real e sincera história de amor entre as pintoras dinamarquesas Lili Elbe (Eddie Redmayne) e Gerda Gottlieb (Alicia Vikander). Lili nasce Einar Wegener, mas dentro de si sempre foi Lili quem quis florescer. Quando Einar toma conta que o seu corpo pertence a outra forma, não a habitada, inicia então uma luta contra o preconceito e as tradições sociais para conseguir uma cirurgia de transgenitalização (mudança de sexo).

a-garota-dinamarquesa-eddie-redmayne-alicia-vikander

O cenário é 1930, o preconceito é algo inerente. Médicos a repudiam. Lili chega até a ser diagnosticada como esquizofrênica. Mas isso não faz com que ela desista de ir em busca de sua verdadeira essência e sentir-se completa por inteira. E essa luta que iniciou-se a mais de 80 anos atrás, ainda incentiva mulheres e homens a irem em busca do equilíbrio entre corpo e mente. Apesar de hoje em dia termos uma sociedade com mais discernimento para o assunto, ainda são constantes os ataques as escolhas sexuais de cada indivíduo, a busca pelo respeito e igualdade ainda é uma luta diária.

Se a história já demonstra requerer um intenso envolvimento, o elenco toma para si essa responsabilidade com atuações impecáveis. Eddie Redmayne (Einar Wegner) te pega pela mão e te leva junto do seu olhar, para as suas descobertas. Ele sempre teve um ímpeto feminino dentro de si, mas nunca o aceitou verdadeiramente, até então. A  sua descoberta é algo tão belo e gentil, uma homenagem a delicadeza e a força feminina. Em compensação não podemos nos esquecer de Alicia Vikander (Gerda Gottlieb), que também está brilhante em cena e merece todas as palmas e ser ovacionada por sua grande atuação.

Alicia-Vikander-a-garota-dinamarquesa

É um filme  cadenciado, e mesmo tratando de um assunto tão recorrente nos dias de hoje, consegue ter seus tons diferenciados, tornando-se único. O que mais encanta é o amor representado em cena, capaz de sucumbir qualquer barreira, porque ame-se a essência e não a forma. No seu conjunto é um ótimo filme, com poucos pontos de clímax e talvez um pouco longo demais, mas ainda sim incrível em sua totalidade e merece cada categoria a que foi indicado ao Oscar.

Indicações ao Oscar
Melhor Ator – Eddie Redmayne
Melhor Atriz Coadjuvante – Alicia Vikander
Melhor Figurino
Melhor Design de Produção

Ficha Técnica
Título Original:
The Danish Girl
Direção: Tom Hooper
Ano: 2015
Estreia: 11 de Fevereiro de 2016 (Brasil)
Duração: 120 minutos
Gênero: Biografia Drama Romance
Origem: EUA

Confira o trailer de A Garota Dinamarquesa

 

Posts Relacionados